17/08/2017 às 13h29min - Atualizada em 17/08/2017 às 13h29min

Equipe Robok da Unifei desenvolve projeto social de tecnologia e robótica

UNIFEI SITE
SITE UNIFEI

 A equipe Robok da Universidade Federal de Itajubá (Unifei), responsável por desenvolver, desde 2010, robôs autônomos de futebol, teve uma iniciativa social e educativa com o objetivo de espalhar o saber nas escolas públicas.

 Como o conhecimento da tecnologia e da robótica é muito escasso e são poucas as escolas de ensino fundamental e médio que incluem fundamentos básicos de robótica e programação em suas estruturas curriculares, de maneira geral, a robótica torna-se pouco incentivada e ensinada aos adolescentes.

 Em meio a esse cenário relacionado à tecnologia no Brasil, a equipe Robok, que representa a Unifei em campeonatos de futebol que têm como jogadores os robôs autônomos, resolveu realizar um projeto visando despertar nos alunos o interesse pela robótica.

 O intuito é ensinar crianças a programar os robôs da linha Lego Mindstorms, que foram lançados especialmente para a educação tecnológica de maneira divertida. O foco são as escolas públicas de Itajubá e, para a equipe Robok, desenvolver um projeto desses é pensar no futuro.

 “Despertando o interesse de crianças e adolescentes que ainda estão no ensino fundamental e médio, poderemos ter, no futuro, um país ainda mais desenvolvido tecnologicamente e com grande potencial na área”, disse Matheus Campos, membro da subequipe de marketing da Robok.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Qual desses nomes deveria ser o próximo prefeito de Itajubá/MG

40.2%
18.3%
24.6%
4.3%
12.6%