23/10/2017 às 16h59min - Atualizada em 23/10/2017 às 16h59min

Unifei: Black Bee conquista 4º lugar na competição internacional IMAV 2017

site Unifei
 
Integrantes da equipe Black Bee acompanhados do professor Alexandre Ramos.
 
 
Pela terceira vez, a Black Bee foi a única representante do Brasil e da América do Sul no evento.
 
 
A Black Bee Drones conquistou a quarta colocação na categoria Outdoor durante a competição na França.
 
A equipe Black Bee Drones, da Universidade Federal de Itajubá (Unifei), conquistou a quarta colocação na categoria Outdoor durante a nona edição da International Micro Air Vehicles Competition (IMAV 2017), que aconteceu em Toulouse, na França.  Ela ficou atrás apenas de equipes da Alemanha, Singapura e China.
 
 Ao todo, houve 23 países participantes e, pela terceira vez, a Black Bee foi a única representante do Brasil e da América do Sul. Durante o evento, a Black Bee também conseguiu a oitava colocação na categoria Indoor.
 
 A competição internacional ocorre todo ano com o objetivo de promover tecnologias para o desenvolvimento de veículos micro aéreos. Neste ano, a IMAV foi organizada pelo Institut Supérieur de l’Aéronautique et de l’Espace (Isae Supaero), uma das universidades mais prestigiadas da França e referência mundial em aeronáutica.
 
 
A competição foi dividida em duas categorias: Outdoor e Indoor. Na categoria Outdoor, realizada no aeroporto Francazal, as provas aconteceram em locais abertos. Os desafios não consistiam nos obstáculos, mas na capacidade de inteligência, agilidade e cooperação entre drones, como, por exemplo, nas provas de flight performance, mapeamento e “parade thropy”, um desafio especial no qual os drones deveriam fazer um voo em formação, seguindo uma coreografia.
 
 Já na categoria Indoor, realizada na Isae Supaero, cada drone realizou desafios com obstáculos em seu caminho, passagens estreitas, detecção de objetos, teste de força e pouso em plataforma em movimento, como, por exemplo, provas de pouso de precisão e levantamento de peso, entre outras.
 
 Como a competição exige alto grau tecnológico, a Black Bee Drones tem se destacado durante suas participações pelo fato de ser uma das pioneiras no uso de inteligência artificial embarcada em drone, o que possibilita a ele aprender e tomar decisões em pleno voo.
 
 “Os alunos da equipe Black Bee Drones são, inequivocamente, coadjuvantes no processo de internacionalização da Unifei, divulgando a qualidade e a excelência do processo ensino/aprendizado realizado em nossa Universidade e sua forte integração com a pesquisa e desenvolvimento aqui praticados”, disse o professor Alexandre Carlos Brandão Ramos, do Instituto de Matemática e Computação (IMC) da Unifei, que acompanhou a equipe no evento.
 
 A IMAV Competition 2018 já tem data e lugar marcados. Ocorrerá em Melbourne, na Austrália, e será organizada pelo Royal Melbourne Institute of Technology (RMIT) – Instituto Real de Tecnologia de Melbourne, de 17 a 23 de novembro.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Qual desses nomes deveria ser o próximo prefeito de Itajubá/MG

40.1%
18.3%
24.8%
4.3%
12.5%